Constipação em porco

A constipação em um leitão pode indicar a presença de patologias graves, cujo exame é vital para o animal. Pode parecer às pessoas que contêm porcos pequenos que os porcos são absolutamente saudáveis, porque sua atividade e comportamento não mudaram. É importante lembrar que a constipação em leitões não é uma doença específica, é apenas um sintoma, cuja eliminação prematura pode em breve se transformar em um problema. Se a idade da caxumba for pequena, a negligência e o desconhecimento do problema podem levar à morte.

255-constipação em leitão

Constipação em porco

Como identificar a constipação em porcos

É oportuno considerar a presença de sintomas dolorosos negativos em um animal de estimação - um passo muito importante para o seu tratamento. Antes de fazer qualquer coisa, você precisa lidar com os sintomas da constipação em porcos. Os veterinários identificaram as seguintes principais indicações para o aparecimento e desenvolvimento do problema:

  • pele seca;
  • mudanças de temperatura de amplitude acentuada (aumento até 38-40 ° С);
  • falta de apetite, mesmo para a sua comida favorita;
  • cabeça constantemente abaixada;
  • letargia e fadiga geral;
  • erupção vermelha brilhante;
  • pernas dobradas e um corpo curvado;
  • falta de ar, etc.

O surgimento de evidências pode ser causado por nutrição inadequada, falta de higiene, falta de oligoelementos essenciais e minerais, condições precárias de moradia no celeiro (muito frio ou quente). A discrepância entre a ingestão diária de alimentos e a violação dos métodos de alimentação (alimentos secos ou úmidos) também pode afetar adversamente a saúde do porco.

Outros sintomas manifestam-se no fato de que o nível de água no bebedouro de um leitão durante o dia permanece inalterado. Se, quando você pressiona a barriga, o porco começa a emitir sons horríveis e guincha, você precisa examiná-lo quanto à presença de inchaço.

Outra causa comum de constipação em porcos é uma quantidade insuficiente de movimento ativo ou de andar. É importante levar os animais para passear apenas nos locais verificados, sem possíveis objetos perigosos ou outros animais de criação.

Constipação de porco: o que fazer

Depois de identificar a constipação em um leitão, o que fazer e como tratar será solicitado por um veterinário. Ao mesmo tempo, o próprio proprietário deve saber como tomar medidas de emergência e ajudar o animal de estimação.

O primeiro passo do criador de porcos é desenvolver um plano de ação estratégico. É necessário rever as rações diárias e semanais sobre a correção da formação. O prazo de validade da ração pode ter terminado há muito tempo ou ser armazenado em condições precárias, transformando-se posteriormente em uma mistura muito seca ou categoricamente úmida. Além desses problemas, durante a análise, outros podem vir à luz:

  • uma transição acentuada de gordura para secar, de cozido para vapor;
  • boa alimentação depois de uma longa recusa em comer;
  • possível desmame de leitões e sua transferência para alimentação independente;
  • escassez de água potável ou sua terrível qualidade;
  • distúrbios alimentares;
  • introdução à dieta de novas estruturas de alimentação, etc.

Um porco pode ter uma área que é muito limitada na área, o que causa dificuldade em se mover. Existem situações em que a constipação é uma consequência da infecção por bronquite ou pneumonia.

Em um pequeno leitão, a constipação pode ocorrer devido a uma transição malsucedida para a alimentação de adultos. O que fazer? Seus bebês, como bebês, devem ser gradualmente convertidos em produtos padronizados, começando com pequenas porções. Após o desmame da mãe, excluir o leite da dieta do leitão é um grande erro. A solução correta seria continuar usando o produto familiar e, gradualmente, removê-lo do menu. O envenenamento pode ser acompanhado pelo aumento da desidratação, por isso é necessário reproduzir as reservas de água em quantidades adequadas.

Acontece que o animal precisa de ajuda urgente, mas não há acesso ao veterinário. Qual deve ser o tratamento inicial e o primeiro reforço? É necessário despejar óleo de girassol (1 colher) na boca do leitão. O padrão para porcas e porcos adultos é aumentado para um copo cheio de 250 ml.

Para reduzir as sensações dolorosas, os porcos podem ser bebidos com kissel em água ou caldo de aveia cozido. É aconselhável adicionar a ambas (3-5) gotas de tintura de iodo para obter um agente antibacteriano eficaz. Você não pode forçar o animal a beber tinturas forçosamente, de modo a não agravar a situação.

Mesmo que a educação do agricultor não seja médica, uma inspeção adicional pode ser realizada com facilidade e rapidez. É necessário examinar cuidadosamente as massas fecais do porco, para recordar o período de sua última aparência e consistência. Sua ausência por vários dias é a norma em tais animais de estimação, mas é aconselhável procurar ajuda de um especialista.

Como tratar

Os suínos ordinários de fazendeiros não requerem drogas caras especiais, às vezes até percebem positivamente o tratamento por métodos populares. Como e o que tratar a constipação em porcos usando um kit de primeiros socorros? Especialistas sugerem o uso desses tratamentos:

  • Sal de Glauber (sulfato de sódio) com água e sal. O objectivo desta aplicação é criar uma situação de desidratação para o arrastamento do consumo de água.
  • Óleo de mamona.
  • Vaselina.
  • Óleo vegetal.
  • Folhas de senna (cassia), que é usado para criar tinturas e cereais nutritivos.

Obstipação em porcos também pode afetar leitões. A falta de leite, a sua fraca qualidade e consistência, a relutância de uma porca para alimentar bebés podem transformar-se numa perda de peso para um porco, perda de nutrientes vitais.

A partir do quarto dia de vida, vale a pena colocar os pratos limpos no chiqueiro. Deve ser derramado água fervida, purificada e quente. Após um dia, é necessário diluir a dieta com a ingestão de leite da porca. Carvão vegetal ou argila de origem vermelha será uma excelente fonte de minerais, e o feno cortado em pequenos pedaços enriquecerá a nutrição do porco.

Batatas cozidas, descascadas e desfiadas podem ser dadas a bebês a partir de 2 semanas de idade. Se você aderir apenas a uma dieta recomendada por veterinários no gado, a constipação não atormentará nem um porco nem um porco.

prolapso do prolapso retal Medição da temperatura em um porco! Doenças dos porcos erysipelas

Constipação em porcas: características e tratamento

As porcas têm uma estrutura corporal mais complexa que os porcos. O ponto mais difícil e importante de seu ciclo de vida é dar à luz. A constipação pode ocorrer após o parto. O corpo de uma porca é mais fraco e mais facilmente acessível para infecções e bactérias que podem causar doenças do trato gastrointestinal. O agricultor precisa ajustar o processo de alimentação e ajudar o animal a retornar rapidamente à sua forma anterior.

As porcas de dieta animal devem ser ricas em alimentos com alto teor de minerais, vitaminas e outros nutrientes.

Qual dieta deve ser administrada se a porca jovem tem constipação? Especialistas determinaram as regras básicas para o serviço de limpeza na presença de porcas:

  • Durante 8-10 horas após a pesquisa, o animal não deve ser alimentado com cereal de farelo de aveia saudável, que é caracterizado por propriedades laxantes.
  • Constipação em um porco não acontece, se você aumentar gradualmente a taxa nutricional ao normal. Se você fizer isso mais cedo, você pode causar mastite ou formação excessiva de leite.
  • A partir do quarto dia, a porca deve ter uma grande quantidade de beterraba e cenoura na dieta. Adicionando feno e farinha de ervas, de preferência a partir do dia 6.
  • Você não pode exagerar com cereais nutritivos. Neste caso, é possível prevenir diarréia e constipação em porcos. Para isso, é necessário fazer uma introdução lenta e gradual desses produtos na ração diária dos animais.

Se o porco ainda tiver constipação, recomenda-se que o criador inicie o tratamento com limpeza e depois com laxantes de sal ou enemas quentes habituais. É possível corrigir a nutrição com a ajuda de sementes de linhaça tratadas, cujo muco normaliza instantaneamente os intestinos.

Semear após o nascimento dos leitões quer proteger as crianças de doenças infecciosas e outros problemas. As ações dos agricultores devem ser o mais focalizadas possível.

Usando as recomendações acima para determinar os sintomas da constipação em leitões, porcos e porcas é fácil.

É importante iniciar o tratamento imediatamente após a ocorrência de qualquer suspeita. Os médicos lembram que a automedicação é prejudicial e perigosa, portanto, tendo identificado os sinais, é melhor procurar ajuda de um médico especial. Ele prescreverá um tratamento preciso e detalhado para que os animais se recuperem o mais rápido possível e sem danos à saúde.

Adicionar um comentário